A CRUZ ANTES DA FUNDAÇÃO DO MUNDO

João 17:24; I Pedro 1:18-20; Apocalipse 13:8

cruz36659A verdade é que a cruz existia antes deste mundo ser criado. Em Gênesis 1:3 vemos que Deus disse: Haja luz! Antes dessa Palavra criadora, Deus já havia proclamado uma Palavra salvadora: Haja cruz! Vemos aqui o amor incondicional do Criador. Ele não titubeou, não demorou, não protelou Seu sincero amor por nós. Muitos crentes têm deixado de amar a Deus, mas Ele jamais deixou para depois o Seu imensurável amor por nós. Seu amor, rápido, total, intenso nos salvou ao providenciar a cruz. A cruz é o memorial eterno do amor de Deus por nós. Antes da fundação do mundo Ele já nos amava e uma prova disso é que Ele nos escolheu em Cristo antes da fundação deste mundo. Efésios 1:4 – “assim como nos escolheu, nele, antes a fundação do mundo,…”. As Escrituras atestam também que Ele nos amou quando ainda éramos pecadores. Romanos 5:8 – “Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores”. Quando passamos pela cruz, podemos receber a revelação de textos como o de Romanos 8:37-39 – “Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Porque eu estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá separar-nos do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor”. Que amor tremendo o Pai demonstrou através do Filho crucificado. HAJA CRUZ! Este deve ter sido o brado do Pai e do Filho e do Espírito Santo antes da fundação do mundo para que, pelo sangue da cruz, Ele pudesse nos comprar para Ele. Apocalipse 5:9 – “e entoavam novo cântico, dizendo: Digno és de tomar o livro e de abrir-lhe os selos, porque foste morto e com o teu sangue compraste para Deus os que procedem de toda tribo, língua, povo e nação”. Lá no início, podemos ver não só o imenso amor de Deus por nós como também, seu intenso desejo de nos ter para Ele. Deus nos quer para Ele e com Ele para sempre. É fácil notar isto nas Palavras do Senhor Jesus em João 14:3 e 20 – “E, quando eu for e vos preparar lugar, voltarei e vos recebereis para mim mesmo, para que, onde eu estou, estejais vós também”. “Naquele dia, vós conhecereis que eu estou em meu Pai, e vós, em mim, e eu, em vós”. Quanto carinho, quanto amor tem o Salvador por nós. Somos seus amigos verdadeiros, seus irmãos e Sua noiva amada. Dá para sentir seu coração palpitando por nós. Ele foi para a cruz para que você e eu pudéssemos estar para sempre com Ele. Ele disse: “Permanecei em mim e eu permanecerei em vós” (João 15:5). A cruz é a prova de que Deus sempre nos amou e sempre nos desejou para Ele. Por séculos, o Senhor Jesus carregou a cruz e por fim, cravou-a no Monte do Calvário. Não foi fácil para Ele, pois Ele o fez neste mundo sendo totalmente homem. Na “via crucis” Ele estava tão fraco que até constrangeram um cireneu de nome Simão, a carregá-la por Ele (Lucas 23:26). Quando chegou ao Gólgata, onde a cruz foi levantada da terra, Jesus então bradou: “TETELESTAI!”, ou seja, “ESTÁ CONSUMADO”. Com amor e sacrifício de sua própria vida, Jesus de Nazaré, o Deus-Homem, fincou a cruz para nos salvar. Como podemos desprezar a obra da cruz? O Salvador carregou-a até ao Calvário por amor a nós. Isaías 53:11 diz que foi penoso: “Ele verá o fruto do penoso trabalho de sua alma e ficará satisfeito; o meu Servo, o Justo, com o seu conhecimento, justificará a muitos, porque as iniqüidades deles levará sobre si”. Hoje, ao ver uma igreja crucificada e regenerada, certamente Ele fica satisfeito por que, pela obra da cruz, Ele nos comprou para Ele. A iniqüidade que estava sobre nós já não existe mais, pois Ele a levou na cruz. Aleluia! Agora somos Dele e estamos Nele.

A cruz foi decretada antes da fundação do mundo e vinha sendo anunciada pelos séculos e séculos que se seguiram. Vemos a cruz por toda a Escritura, por exemplo: Gênesis 3:21 onde um animal foi sacrificado; Gênesis 22:13 onde aparece um animal para ser sacrificado em lugar de Isaque. Uma substituição providencial para Abraão e Isaque. Para nós, uma substituição que nos livra da maldição da cruz (Tito 2:14; I Pedro 2:24). Mas não esqueçamos que a cruz não foi só substituição, foi também inclusão. Na cruz houve substituição e inclusão (João 12:32). Vemos a proclamação da cruz em Números 21:4-9 no episódio das serpentes abrasadoras. Imagino que os pecadores que estavam morrendo, ao ver a serpente de bronze e receber sua cura imediata, deviam proclamar com alegria e gratidão a eficácia da cruz e a infinita misericórdia de Deus. A cruz também é o memorial da infinita misericórdia de Deus pelos homens pecadores.

Isaías 53 também é o anúncio da cruz, sem dúvida alguma. Quando lemos em João 1:29 sobre o Cordeiro de Deus, vemos também o anúncio da cruz.

A obra da cruz já foi realizada, tudo está feito! Jesus Cristo já a cravou no Monte do Calvário. Tudo está consumado, tudo está feito! Apocalipse 21:6 – “Disse-me ainda: Tudo está feito. Eu sou o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim. Eu, a quem tem sede, darei de graça da fonte da água da vida”. Já está concretizado, selado, concluído. Veja os verbos em alguns versículos de Apocalipse: Apocalipse 1:5 = nos libertou! Apocalipse 5:9 = nos comprastes; 5:12 = que foi morto; 7:14 = lavaram, alvejaram; 12:11 = Eles, pois, o venceram…

A vitória já é nossa! A cruz é real desde antes da fundação do mundo e permanece intacta, firme e eficaz até ao dia de hoje para aquele que crê. Pela cruz, podemos dizer que somos mais do que vencedores.

A cruz é Deus dizendo: Eu amei vocês desde antes da fundação do mundo e agora, por ela, faço de vocês vencedores juntamente com Jesus Cristo, meu Filho amado.

Apesar de você estar ouvindo sobre a cruz somente agora, na realidade ela sempre existiu e sempre existirá na vida daquele que foi salvo do pecado e da perdição eterna. No plano de Deus, pela cruz, você e eu já estávamos sendo salvos antes mesmo da fundação do mundo. Aleluia!

Pr. Mario Tsuyoshi Yamakami

Comunidade Bíblica Regenerada   –   Cristo vive em nós

Maringá, julho de 2012.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s