ACOLHEI UNS AOS OUTROS

Leia Romanos 14:1-23 e 15:1-13

Em Romanos 14:4 há uma pergunta que Deus faz e que precisamos refletir bem: “Quem és tu que julgas o servo alheio? Sabemos que temos por natureza a tendência de julgar o próximo. Muitas vezes exigimos que as pessoas pensem como nós, porém, a Bíblia fala que nós é que devemos ter o mesmo parecer que o irmão. Romanos 12:10 – “Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros”. Temos dificuldade de dar preferência ao outro; nós é que sempre queremos ser os primeiros, queremos ser reconhecidos e elogiados. Quando alguém passa a perna em nós, logo ficamos chateados e julgamos essa pessoa. Temos um alto conceito de nós mesmos e a Bíblia diz para não pensarmos de nós além do que convém. Romanos 12:3 – “Porque, pela graça que me foi dada,  digo a cada um dentre vós que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação, segundo a medida da fé que Deus repartiu a cada um”. Às vezes nos preocupamos demasiadamente com o próximo a ponto de querer tomar o lugar de Deus. Chegamos ao ponto de julgar o servo alheio. Temos a ousadia de passar acima de Deus para tratar o servo de Deus. Que ridículo quando um irmão quer julgar o outro. Precisamos entender que Deus é o Senhor e tem toda a competência para cuidar do irmão que caiu ou serviu de tropeço. Deus pergunta: Quem é tu…? Deus usa o pronome “tu”; Ele é direto para com aqueles que gostam de julgar. Não fomos chamados para sentar na cadeira de Moisés; pelo contrário, há uma ordem expressa de Deus para que não julguemos, quem quer que seja. Mateus 7:1-2 – “Não julgueis, para que não sejais julgados. Pois, com o critério com que julgardes, sereis julgados; e, com a medida com que tiverdes medido, vos medirão também”. Devemos temer muito o ato de julgar o próximo. É muita presunção da nossa parte querer julgar o servo alheio. O servo alheio prestará contas com o seu Senhor, portanto, não se intrometa em questão alheia. Não cabe a nós querer endireitar o irmão trôpego; pois, além de não sermos capazes, não temos tal autoridade e moral. Inconscientemente estamos dizendo: Deus não é capaz de cuidar do irmãozinho chato. Ofendemos muito a Deus quando julgamos o próximo. Deus pode tratar deles sim e, quer tratar com você também. Entenda que não foi você que morreu pela pessoa a quem você está julgando. Não somos senhor dos mortos e nem dos vivos. A Bíblia diz que Jesus Cristo é: Romanos 14:9 – “Foi precisamente para esse fim que Cristo morreu e ressurgiu: para ser Senhor tanto de mortos como de vivos”. Leia os versos seguintes: de 10 a 12. Entendamos para sempre que não podemos ter a audácia de chamar para nós a tarefa de endireitar a vida dos outros. Deus requer de nós paciência, amor e fé; afinal, Ele fará a obra na vida do irmão que tem tropeçado.

Romanos 14:13 – “Não nos julguemos mais uns aos outros; pelo contrário, tomai o propósito de não pordes tropeço ou escândalo ao vosso irmão”.

Em Romanos 14:1, Deus nos manda acolher ao que é débil na fé, pois Ele próprio o acolheu (verso 3). Nossa responsabilidade não é a de julgar e sim de acolher. Romanos 15:7 – “Portanto, acolhei-vos uns aos outros, como também Cristo nos acolheu para a glória de Deus”.

Amados, confessemos o pecado do julgamento alheio e da maledicência. A maledicência já é o pecado de julgamento. Jamais falemos mal dos irmãos. Tiago 4:11-12 – “Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Aquele que fala mal do irmão ou julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei; ora, se julgas a lei, não és observador da lei, mas juiz. Um só é Legislador e Juiz, aquele que pode salvar e fazer perecer; tu, porém, quem és, que julgas o próximo?”

Que este pecado seja totalmente extirpado de nossa vida.

Romanos 15:13 – “E o Deus da esperança vos encha de todo o gozo e paz no vosso crer, para que sejais ricos de esperança no poder do Espírito Santo”.

Pr. Mario Tsuyoshi Yamakami      

Comunidade Bíblica Regenerada   –   Cristo vive em nós

Maringá, Novembro de 2012.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s