O PERDÃO TRANSFORMA

PerdãoHá um interessante fato ocorrido nos Estados Unidos durante a Guerra de Secessão, que começou em 1861 e durou quatro anos. Um soldado de nome Roswell McIntire, foi condenado à morte. Seu crime: covardia e deserção. Sua mãe, desesperada, recorreu ao presidente de então, Abraham Lincoln, pedindo-lhe indulto para o seu filho. Analisando a citação, Lincoln considerou que o rapaz era muito imaturo, além de não constar nenhum antecedente que o incriminasse. Em vista disso, o indulto foi concedido. A guerra continuou. E meses depois, McIntire estava sendo sepultado com todas as honras militares que merecia, pois morrera em meio a uma batalha, onde, segundo seus companheiros e superiores, lutara com destemor, portando-se como verdadeiro herói. No bolso de sua jaqueta foi encontrado o indulto que o presidente lhe dera, o papel que transformara um covarde destinado à morte em um guerreiro enterrado como herói. Mais do que um perdão presidencial, recebemos o perdão do próprio Deus em Cristo. Mais do que o perdão para um ato de covardia, recebemos perdão de todos os nossos pecados, de todos os nossos atos que ofendem a Deus, que nos afastam Dele e nos fazem Seus inimigos. Ao percebermos a dimensão do perdão de Deus, isso deveria modificar nossa vida, arrancar-nos de toda covardia, toda timidez, toda justificativa, e tornar-nos intrépidos guerreiros pela causa do evangelho. Certamente, se considerarmos tudo o que Deus fez por nós ao perdoar-nos, não temeremos nem mesmo morrer no campo de batalha contra o mundo, o pecado e Satanás. Leia Salmo 103:8-14. II Coríntios 5:15 e 21 – “E ele (Jesus) morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou. Aquele que não conheceu pecado, ele o fez pecado por nós; para que, nele, fôssemos feitos justiça de Deus”. I Pedro 2:24 – “carregando ele mesmo em seu corpo, sobre o madeiro, os nossos pecados, para que nós, mortos para os pecados, vivamos para a justiça; por suas chagas fostes sarados”. Tito 2:14 – “o qual (Jesus Cristo) a si mesmo se deu por nós, a fim de remir-nos de toda iniqüidade e purificar, para si mesmo, um povo exclusivamente seu, zeloso de boas obras”. O Senhor Jesus fez tudo por nós para que pudéssemos receber o perdão do Pai. Agora, perdoados e libertos do pecado, vivamos para a Sua glória.

Pr. Mario Tsuyoshi Yamakami – Comunidade Bíblica Regenerada

Maringá, Maio de 2013.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s