ESTUDO DO LIVRO DE HEBREUS CAPÍTULO 03

Hebreus 3:1 – “Por isso, santos irmãos, que participais da vocação celestial, considerai atentamente o Apóstolo e Sumo Sacerdote da nossa confissão, Jesus,”.

hebreus 3Como vimos nos estudos anteriores, os cristãos hebreus estavam pensando em deixar o cristianismo e voltar para o judaísmo. Era um tempo de perseguição e muita dificuldade para os cristãos. Atos 8:1 – “… Naquele dia, levantou-se grande perseguição contra a igreja em Jerusalém; e todos, exceto os apóstolos, foram dispersos pelas regiões da Judéia e Samaria”. Mas para os judaizantes, tudo era mais fácil, pois os romanos lhes eram favoráveis. Voltar para a velha e ineficiente religião só porque era mais fácil? Mas quem disse que o cristianismo é fácil e cômodo? Para o apóstolo, esse regresso era um absurdo, pois estariam deixando o “Tudo” para ir em direção ao vazio. Estariam deixando Terra firme para se perderem em alto mar. Ele deixou bem claro nos capítulos 1 e 2 da grandeza do Salvador Jesus Cristo, o Filho de Deus. Ele até adverte em 2:3 – “como escaparemos nós, se negligenciarmos tão grande salvação?”. Ele havia apresentado o Filho de Deus que é o Verbo, através de quem, Deus fala hoje. Jesus Cristo, o Herdeiro de todas as coisas, o Criador, o Resplendor da Glória, Aquele que é a expressão exata de Deus, o Sustentador de tudo e o que fez a purificação de nossos pecados. Aquele que está assentado à destra de Deus Todo Poderoso. Aquele que é superior aos anjos. Deixar o Senhor da Glória para voltar à inutilidade da religião? Que absurdo! Isto é deixar a salvação e ir para a perdição, deixar a vida para escolher a morte eterna, deixar a segurança para vagar perdidamente em um mundo mau e perverso. Ao perceber que os cristãos estavam indo nesta direção, o apóstolo conclama a que apeguem com mais firmeza às verdades ouvidas, para que delas jamais se desviem (2:1). Não deixem Cristo, pelo contrário, agarre-se a Ele com mais firmeza.

Ao estudar este livro, dá a impressão que os crentes de hoje estão em uma situação parecida. Desanimados, perdidos e até virando as costas para o único Senhor e Salvador. Precisamos fazer um exame em nossas vidas. A própria Escritura nos conclama a fazermos um exame de nós mesmos.

II Coríntios 13:5 – “Examinai-vos a vós mesmos se realmente estais na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não reconheceis que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados”. Estamos firmados em Cristo? Temos mantido íntima comunhão com Ele? Posso afirmar com alegria e convicção que estou crucificado com Cristo? Sua vida se manifesta em minha? Jesus Cristo é o centro da minha vida? Meu motivo para viver? Estou ouvindo Sua voz e seguindo-O como fazem suas ovelhas? João 10:27 – “As minhas ovelhas ouvem a minha voz; eu as conheço, e elas me seguem”.

Hoje estaremos estudando o capítulo 3. Neste capítulo vemos os perigos da apostasia. Apostatar da fé é abandonar e se afastar de Cristo. Isto tem ocorrido com maior freqüência do que imaginamos nos dias de hoje. I Timóteo 4:1 – “Ora, o Espírito afirma expressamente que, nos últimos tempos, alguns apostatarão da fé, por obedecerem a espíritos enganadores e a ensinos de demônios,”. Precisamos ouvir a Palavra de Deus, pois dela provém nossa fé. Para que os hebreus não se apostatassem, o apóstolo apresentou Jesus Cristo nos capítulos 1 e 2. Ao começar o capítulo 3 ele diz: “Por isso…”. Por tudo que foi dito até agora, por causa do Senhor Jesus apresentado na seção anterior, por causa de Cristo. À luz de tudo que foi dito até agora. Assim começa o capítulo 3 de Hebreus. O argumento único do apóstolo para convencer os hebreus a não se afastarem de Cristo foi a própria Pessoa do Salvador. A base de sua explanação é simplesmente a Pessoa de Jesus Cristo. Tudo que o apóstolo tinha para falar era Jesus Cristo, o Resplendor da Glória. Vocês não devem se apostatar por causa de Cristo. Ele é tudo o que foi falado; por isso, não abandonem a fé. Em 3:1 o apóstolo prossegue chamando-os de santos irmãos”. Ele não se refere a qualquer um, mas aos irmãos santificados; isto é, separados para Deus. Diferentes dos demais. Foram escolhidos, eleitos em Cristo e separados para Deus. Irmãos em Cristo, adotados na família de Deus. Pedro estaria dizendo: “aos que conosco obtiveram fé igualmente preciosa na justiça do nosso Deus e Salvador Jesus Cristo” (II Pedro 1:1). O apóstolo Paulo diria: “à igreja de Deus que está na [Judéia], aos santificados em Cristo Jesus, chamados para ser santos, com todos os que em todo lugar invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso” (I Coríntios 1:2). Santos irmãos, isto é, irmãos escolhidos para ter fé em Jesus Cristo, tirados do mundo para viverem para a glória de Deus em Cristo Jesus. Santos irmãos que receberam a graça de Deus para serem salvos, que receberam a revelação da inclusão na morte e ressurreição de Jesus Cristo, santos irmãos que agora tem um novo coração, pois nasceram de novo. Santos irmãos da família de Deus. Efésios 2:19 – “Assim, já não sois estrangeiros e peregrinos, mas concidadãos dos santos, e sois da família de Deus,”. Santos irmãos, diferente dos demais homens, pois foram eleitos e separados para Deus. Santos irmãos que um dia ouviram a voz de Deus e foram conduzidos pelo Espírito Santo para a pessoa de Cristo. SANTOS IRMÃOS! A porta é estreita e o caminho, apertado! (Mateus 7:13-14). A caminhada cristã não é fácil, por isso temos que aprender a viver vida de cruz. Este mundo perverso e tenebroso exerce grande pressão aos cristãos que querem continuar com Cristo. As deliciosas propostas para a satisfação da carne e o viver mundano rodeiam o cristão noite e dia. O inimigo procura seduzir os mais fracos e persegue os que estão firmes até que venham a esmorecer. O sofrimento faz parte da vida cristã. João 16:33 – “Estas coisas vos tenho dito para que tenhais paz em mim. No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo”. Na carta aos Hebreus o autor não esconde o sofrimento e relata o sofrimento do próprio Cristo. Hebreus 2:10 fala que Jesus foi aperfeiçoado por meio do sofrimento. Em 5:8 fala que o Filho aprendeu a obediência pelas coisas que sofreu. De modo franco e transparente, o apóstolo não passa mel na cabeça dos cristãos hebreus. Ele não nega o sofrimento, ele exorta a olhar para o sofrimento de Cristo e “bola para frente”. Hebreus 12:3 – “Considerai, pois, atentamente, aquele que suportou tamanha oposição dos pecadores contra si mesmo, para que não vos fatigueis, desmaiando em vossa alma”. Está sofrendo? Olha para Jesus! Está difícil? Fixe Jesus Cristo! Está fraco, querendo desistir? Volte-se para Jesus!

Não voltem para trás! Hebreus 10:39 – “Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a perdição; somos, entretanto, da fé, para a conservação da alma.”.

O apóstolo Pedro dá uma idéia sobre os que retrocedem. II Pedro 2:20-22 – “Portanto, se, depois de terem escapado das contaminações do mundo mediante o conhecimento do Senhor e Salvador Jesus Cristo, se deixam enredar de novo e são vencidos, tornou-se o seu último estado pior que o primeiro. Pois melhor lhes fora nunca tivessem conhecido o caminho da justiça do que, após conhecê-lo, volverem para trás, apartando-se do santo mandamento que lhes fora dado. Com eles aconteceu o que diz certo adágio verdadeiro: O cão voltou ao seu próprio vômito; e: A porca lavada voltou a revolver-se no lamaçal”. Que palavras duras não? Voltar?  Jamais!

Hebreus 3:1 continua: “Por isso, santos irmãos, que participais da vocação celestial,…”. Por que não podemos abandonar a fé? Por que Jesus Cristo é tudo que já vimos e muito mais. Porque Deus em Cristo nos escolheu e nos separou para Ele e agora, porque somos participantes da vocação celestial. Há um chamado, uma vocação! Deus nos chamou para irmos ao céu. Nós fomos chamados! Temos uma vocação celestial. Romanos 1:6-7 – “de cujo número sois também vós, chamados para serdes de Jesus Cristo. A todos os amados de Deus, que estais em Roma, chamados para serdes santos, graça a vós outros e paz, da parte de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo”. Fomos chamados para Cristo e é o próprio Cristo que cumprirá o nosso chamado “celestial”. Ele nos conduzirá para a glória (Hebreus 2:10). Santos irmãos, não se esqueçam do chamado celestial!

Finalmente em Hebreus 3:1 vemos: “Por isso, santos irmãos, que participais da vocação celestial, considerai atentamente o Apóstolo e Sumo Sacerdote da nossa confissão, Jesus”. A esta altura, o apóstolo está dando uma ordem: Fixem em Jesus! Olhem para Jesus! Jesus Cristo é o nosso alvo, não olhem para trás. Adiante, para Jesus somente. Ele é o Apóstolo com “A” maiúsculo. Ele é o Enviado de Deus para nós. Ele é o Sumo Sacerdote, Aquele que faz expiação por nós, que intercede diante de Deus em nosso favor. Sim, prestem atenção! É Jesus, é Jesus, é Jesus! Olhem para Ele!

Você está capengando na fé? Balança mas não cai? Parece um bêbado andando pela calçada? Sua fé está se esvaindo? OLHE PARA JESUS! ATENTE PARA JESUS! FIXE SEUS OLHOS EM JESUS! Um hino do hinário da vida cristã da Inglaterra diz: “Volve os olhos para Cristo. Contempla tua face de amor. Quando ao teu redor há perigo mil. Volve o olhar para o teu Redentor”.

Pr. Mario Tsuyoshi Yamakami

Comunidade Bíblica Regenerada   –   Cristo vive em nós

Maringá, Setembro de 2013.

Anúncios

4 pensamentos sobre “ESTUDO DO LIVRO DE HEBREUS CAPÍTULO 03

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s