JUSTIFICAÇÃO PELA GRAÇA

Temos visto a preciosa justificação pela fé (Romanos 5:1), a maravilhosa justificação pelo sangue (Romanos 5:9) e agora veremos a estupenda justificação pela graça (Romanos 5:16).

Leia Romanos 5:15-21

justiicaçaoSó pela graça de Deus! O que seria de nós sem a graça de Deus? Pouco a pouco, conhecendo a graça de Deus e crescendo nela, começamos a perceber porque o apóstolo Paulo dava tanta ênfase nesta pequena e preciosa palavra. Sem dúvida, não haveria justificação sem a graça de Deus. Sem a graça todos estaríamos irremediavelmente perdidos e condenados. Verdadeiramente somos salvos pela graça de Deus (Efésios 2:8). Veremos hoje uma pequena faceta desta graça tão preciosa. Primeiramente podemos dizer que ela é imensurável, inesgotável, superabundante e maior do que qualquer problema ou pecado. Curiosamente encontramos em alguns versos do capítulo cinco de Romanos a expressão: “MUITO MAIS”. Veja Romanos 5:9,10,15, 17. As Escrituras colocam a graça de Deus como algo maior, que está além da nossa expectativa. O salmista não tinha palavras para descrever a grandeza de Deus e de modo simples diz: “Porque grande é o Senhor e mui digno de ser louvado, temível mais que todos os deuses” (Salmo 96:4). Cada vez que recebo a revelação da graça de Deus, fico estonteado diante de Sua grandeza e me foge as palavras para descrever a grandeza da graça de Deus. Em Romanos 5 o apóstolo tenta explicar a grandeza da graça de Deus ao comparar com o pecado e a ofensa do homem. Mesmo diante do terrível pecado do homem, a graça de Deus se mostra toda suficiente. Romanos 5:20 – “Sobreveio a lei para que avultasse a ofensa; mas onde abundou o pecado, superabundou a graça”. A graça de Deus é superabundante; por esta razão o pecador é justificado. Deus é o Deus de toda a graça; sendo assim, justifica aquele que nada merece. Nenhum homem tem mérito suficiente para ser justificado diante de Deus. Não há um justo sequer. Romanos 3:10 – “como está escrito: Não há um justo sequer,”. A graça é tão grande que cobre todos os injustos sobre a face da Terra. Se todos os pecadores crerem na obra da cruz, certamente serão justificados pelo sangue de Cristo mediante a graça de Deus. A graça de Deus é eficiente e suficiente para todos. O Senhor disse para o apóstolo: “A MINHA GRAÇA BASTA!” (II Coríntios 12:9).

Romanos 5:15 – “Todavia, não é assim o dom gratuito como a ofensa; porque, se, pela ofensa de um só; morreram muitos, muito mais a graça de Deus e o dom pela graça de um só homem, Jesus Cristo, foram abundantes sobre muitos”. Apesar da ofensa de Adão ter trazido a morte para muitos, a graça de Jesus abundou sobre muitos. No verso16 vemos que a ofensa trouxe o julgamento e a condenação. Mas a graça é capaz de cobrir até mesmo muitas ofensas. Se apenas uma ofensa já foi suficiente para a condenação, imagina muitas ofensas? Muito mais condenação, obviamente! Mas mesmo assim, a graça é maior. Ainda que haja muitas ofensas, a graça pode cobrir e justificar o pecador. Vemos dois reinos neste trecho. O reino do pecado e da morte (Romanos 5:12) e o reino da justiça e vida (Romanos 5:18). A maravilhosa graça de Deus destronou o reino do pecado e da morte e entronizou o reino da justiça e vida por meio de nosso Senhor Jesus Cristo. A graça de Deus mudou nossa vida para sempre. Aleluia! No verso 17 vemos que a ofensa permitiu o reinado da morte sobre a raça humana. Mas a superabundante graça de Deus mudou a sorte e fez com que a justiça reinasse para a vida. Tudo, é claro, por meio do nosso Senhor Jesus Cristo. Sem Ele não há justificação e nem salvação. Nestes versos, dá a impressão que o apóstolo tem dificuldades de explicar a grandeza da imensurável e abundante graça de Deus. No verso 18 vemos que a ofensa trouxe o juízo para a condenação; mas pela cruz, a graça de Deus foi liberada de tal maneira que trouxe justificação para a vida. Estamos vendo neste trecho que nenhuma ofensa, condenação ou juízo pode vencer a graça de Deus. No verso 20 ele conclui dizendo: “mas onde abundou o pecado, superabundou a graça” e não termina aí. A graça veio para reinar no lugar do pecado. Agora quem vai reinar é a graça que justifica para a vida mediante Jesus Cristo, nosso Senhor. A graça venceu e vencerá sempre. Nada que o homem venha a fazer poderá ser maior que a graça de Deus. Ela é absoluta, soberana e imbatível. Nenhuma desobediência, ofensa, pecado, injustiça, maldade pode vencer a graça de Deus. O pecado de Adão foi derrotado pela graça de Jesus Cristo. A graça é poderosa e sempre vencedora. Somente esta graça pode fazer toda a diferença na vida e família do pecador. A graça de Deus nos justifica e isso é que importa para que tenhamos vida abundante e eterna.

Romanos 3:24 – “sendo justificados gratuitamente, por sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus,”.

 

Pr. Mario Tsuyoshi Yamakami

Comunidade Bíblica Regenerada   –   Cristo vive em nós

Maringá, Março de 2014.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s