A AÇÃO DIÁRIA DA CRUZ

I Coríntios 15:31a – “Dia após dia, morro!”

cruzzzzzzDeus tem um propósito para cada um de nós em nossa breve vida nesta terra. A grande maioria se preocupa com as coisas deste mundo e gasta sua vida tentando se arranjar por aqui mesmo. Trabalham desesperadamente, lutam diariamente para conquistar algo neste mundo que jamais o satisfará. Precisamos mirar o alvo certo e o certo é o que Deus tem para nós. Você já perguntou à Deus: “Senhor, o que Tu queres de mim?” Você já orou e entregou de tal maneira que disse: “Senhor, cumpra-se a Tua vontade em minha vida”. Precisamos nos harmonizar com Deus; do contrário, no fim, será apenas frustração, derrota e vergonha.

Precisamos atentar às Escrituras e receber a revelação da vontade de Deus para a nossa vida enquanto aqui vivermos. É preciso ter bem claro em nossa mente e coração, o que realmente Deus quer para nós. O apóstolo Paulo sabia qual era a vontade de Deus para a igreja. Gálatas 4:19 – “meus filhos, por quem, de novo, sofro as dores de parto, até ser Cristo formado em vós”. A figura que está sendo usada aqui é o “parto”. Todo parto pressupõe um processo. São nove meses de gestação, cuidado e muita expectativa. O parto também está ligado com dores, gemidos, sofrimento. Porém, há um tempo determinado. Ele diz aqui: “até ser Cristo formado”. No útero, a criança passa pelo processo de formação. Órgãos e mais órgãos são formados neste processo. O tempo de gravidez é tão trabalhoso e precioso. Uma vida depende totalmente deste processo. Tudo aqui, do início ao fim, é crucial. Esta figura é usada para que vejamos e saibamos que assim é com a nossa vida espiritual. Quando somos conduzidos pela graça de Deus à salvação, começa-se um processo que vai durar um tempo. Este tempo de gestação é feito na igreja de Cristo. Ali o Senhor vai nos formando e nos faz uma nova criatura, depois nos desenvolve e nos faz parecidos com o Senhor Jesus. O feto recebe alimento o tempo todo; por isso, desenvolve e é preparado para o nascimento. Deus alimenta seus filhos pela Palavra, pelo Filho. Neste processo, a igreja é preciosa para que este propósito se cumpra. O propósito de Deus é ter muitos filhos parecidos com o Senhor Jesus. Para isto você foi eleito e está sendo trabalhado. Este é o nosso propósito: glorificar ao Pai através de uma vida parecida com a do Senhor Jesus. O Pai quer sempre ver Cristo em nós. Cada dia é precioso para que sejamos feitos à imagem de Jesus Cristo.

Conta-se que, na Rússia antiga, uma rainha contratou um artista para pintar quadros a fim de retratá-la. Foram selecionadas 80 moças e o artista começou sua obra. Uma de pé, outra sentada, outra com vestidos típicos, uma sorrindo, outra mais séria. Oitenta quadros foram expostos no salão principal do palácio. Havia algo peculiar nos quadros. Em todos eles, o artista colocou um traço pessoal da rainha. Todas aquelas oitenta moças lembravam, de uma maneira ou outra, a própria rainha. Haviam 80 moças diferentes; porém, todas pareciam com a rainha. Havia traços da realeza em todas elas. Assim é o trabalho do Espírito Santo sobre cada membro da igreja. Ele está nos moldando com os traços de Jesus Cristo. Que obra fantástica! Que privilégio, que alegria! Sim, desejo que isto seja prioridade em minha vida, nesta igreja também. Fomos escolhidos para que Deus possa colocar a Pessoa do Seu Amado Filho em nós. Aqui estamos em processo de parto. Deus está formando Cristo em nós. Como todo parto, é doloroso, é sofrido, mas no final, tudo compensará.

Quando viemos à Cristo pela graça de Deus, passamos pela Porta. A porta representa a cruz, onde fomos incluídos, crucificados, sepultados e ressuscitados juntamente com Cristo. Entramos pela Porta, isto é, fomos incluídos em Cristo. Houve salvação neste tremendo ato porque a graça de Deus nos atraiu para Jesus. Os perdidos precisam saber disto. João 10:9 – “Eu sou a porta. Se alguém entrar por mim, será salvo; entrará, e sairá, e achará pastagem”. Jesus é a Porta da salvação. Somente pela inclusão Nele, seremos salvos. Este é apenas o início do processo. O Senhor também disse que é o Caminho. Caminho pressupõe algo longo. Não se faz uma caminhada de apenas um minuto. Na época do Senhor Jesus, as caminhadas eram muito longas. João 14:6 – “Respondeu-lhes Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim”. Esta declaração causou grande espanto aos judeus; pois o Senhor os fez lembrar do Tabernáculo. Havia três portas. A primeira, que dava acesso ao Átrio, chamava-se: Caminho. A segunda porta que ligava o Átrio ao Lugar Santo, chamava-se: Verdade. E a última porta, que ligava o Lugar Santo do Santíssimo Lugar, chamava-se: Vida. Percebe-se aqui que, para chegar até Deus, há um processo, um caminho. Jesus Cristo é todo este processo para irmos à Deus. Ele é o nosso Caminho. Certamente Nele seremos totalmente salvos. Mas há um processo, um tempo, um caminho. Há a necessidade de desenvolvermos a salvação. Filipenses 2:12 fine – “…desenvolvei a vossa salvação com temor e tremor”.

Há um processo no desenvolvimento da nossa salvação final. Trazemos para a vida cristã uma série de coisas da velha criação. O Espírito Santo vai trabalhar para extirpar tudo que é proveniente de Adão. Esse trabalhar é sofrido porque temos apego e confiança demasiada em nós mesmos. O Espírito nos conheça profundamente e sabe onde devemos ser tratados. Todo tronco da velha criação precisa ser queimado e arrancado pela raiz. Alguns serão trabalhados na área de finança, outros na soberba, outros ainda no egocentrismo e outros em áreas que só Deus conhece. Tudo isso precisa ser arrancado para que Deus possa fazer de nós um palácio para a morada do Rei Jesus. Muitos aqui creram na Palavra da Cruz, entraram no Átrio. Estão dando os primeiros passos na vida cristã verdadeira. No Tabernáculo, quando passava pela primeira porta chamada de “o Caminho”, entrava-se ao Átrio. A primeira coisa que a pessoa via assim que adentrava no Átrio era simplesmente o “Altar do Sacrifício”. Até então, o pecador trazia em seus lombos o animal que berrava. Ele, porém, aproximava-se do Altar do Sacrifício e então o sacerdote lhe oferecia um cutelo. O ofertante precisava sacrificar o animal para lembrar que o seu pecado custou uma vida. Altar do Sacrifício é lugar de morte. O Cordeiro de Deus foi oferecido no Monte do Calvário, no Altar do Sacrifício. Quando caminhamos na vida cristã, há um processo de morte diária. I Coríntios 15:31 – “Dia após dia morro!”. Todo processo da vida começa com a morte. Temos uma natureza que precisa morrer e a única maneira é estar no Altar todos os dias, queimando o tempo todo. Vai doer! O fogo dói! Este é o processo de Deus para formar Cristo em nós. Não pode haver nenhuma impureza, tudo precisa ser consumido no altar. O Senhor Jesus foi oferecido no Altar, morreu e ressuscitou. Assim também é o nosso caminho. Ao acordar, precisamos nos entregar à Deus, render-nos completamente, submeter inteiramente à Jesus. Precisamos orar diariamente: Senhor, não seja o que eu quero e, sim, o que Tu queres. Não mais eu Senhor, apenas o Senhor em mim. Precisamos estar no Altar de Deus; se escorregar, peça para o Sacerdote Jesus te colocar de volta no altar. Lembre-se: o propósito de Deus para nós é formar Cristo em nós. Por esta razão, precisamos viver vida de cruz. A ação da cruz em nós expurga a velha natureza. A vida diária de cruz vai limpar toda a velha natureza e então, o Pai vai nos encher de Cristo. Cristo será formado em nós. Quão maravilhoso é saber que fomos predestinados para sermos conformes à imagem de Jesus. Romanos 8:29 – “Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos”.

À medida que vamos vivendo vida de cruz, vida Cristocêntrica, vamos nos tornando mais parecidos com Jesus. Esse é o processo, por isso, Deus colocou a igreja, os pastores, a Bíblia, os irmãos corintianos (kkkkkkkk). Tudo para formar Cristo em nós.

Provérbios 25:4 – “Tira da prata a escória, e sairá vaso para o ourives”. O ourives é uma pessoa paciente, hábil e exigente. Por longas horas e repetidas vezes, ele coloca a prata no crisol (um vaso para fundir) e leva-o ao fogo. O fogo está presente sempre. É o tratamento, a cruz, o modo como Deus purifica os que serão transformados à imagem de Jesus. Muito fogo! É fogo meu irmão! Este é o fogo que a igreja precisa experimentar. Depois do fogo, o ourives separa a escória da prata. Toda impureza é retirada. Há apenas uma maneira do ourives saber se a prata está purificada. Ele a traz até diante dos seus olhos. Se a sua própria imagem estiver turva, ele imediatamente volta a prata ao fogo. Ainda não está purificada. É mais fogo irmão! Fogo, fogo e mais fogo, muito fogo! Então, novamente traz a prata purificada diante de sua face. Se ela refletir perfeitamente a imagem do ourives, então, ele se dá por satisfeito! Precisa refletir a imagem do Ourives Jesus Cristo, entendeu irmão? Cristo nos olha. Será que estamos refletindo Sua imagem? Nossa família, a igreja, os amigos, os colegas de trabalho; sim, todos estão vendo Cristo em nós? A ação da cruz vai retirando as escórias da nossa vida adâmica e pouco a pouco, Cristo vai sendo refletido em nós. Lembremos: precisamos estar sempre no crisol de Deus, onde há fogo para nos purificar. Isto se faz possível através da vida de cruz. O crucificado precisa aprender a estar sempre crucificado. Então, certamente Cristo refletirá em nós, pois Ele foi formado em nós. O caráter de Cristo foi formado em nós. Tudo começa na cruz, continua na cruz e termina na cruz. Aí está todo o processo de formação de Cristo em nós. É uma vida de plena e constante mortificação. Sem fogo, o ourives nada pode fazer. Sem cruz, o Espírito Santo não pode nos transformar à imagem de Jesus. A cruz é fundamental em nosso dia-a-dia para que Cristo seja formado em nós.

Negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga Jesus.

Pr. Mario Tsuyoshi Yamakami

Comunidade Bíblica Regenerada   –   Cristo vive em nós

Maringá, Novembro de 2014.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s