SETE RAZÕES – Parte III – HEBREUS 09:01-14

biblia_lerCristianismo é melhor simplesmente porque Cristo é o melhor. Incomparável, Superior, Eterno. O cristianismo sempre será melhor do que o judaísmo ou qualquer outra religião porque tem o maior Sumo Sacerdote, o mais perfeito Tabernáculo, a melhor oferta, o mais eficaz método e a maior bênção. Vimos até aqui cinco razões que comprovam que o cristianismo é melhor do que o judaísmo. Esta lista poderia se estender; porém, vamos nos ater em mais duas razões apenas.

Em sexto lugar temos a melhor garantia possível quanto a purificação de nossos pecados. Hebreus 9:13-14 – “Portanto, se o sangue de bodes e de touros e a cinza de uma novilha, aspergidos sobre os contaminados, os santificam, quanto à purificação da carne, muito mais o sangue de Cristo, que, pelo Espírito eterno, a si mesmo se ofereceu sem mácula a Deus, purificará a nossa consciência de obras mortas, para servirmos ao Deus vivo!”.

O sangue de Cristo nos purifica de todo pecado. I João 1:7 – “Se, porém, andarmos na luz, como ele está na luz, mantemos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado”. Como este sangue é precioso! Sem o derramamento do Seu sangue estaríamos todos irremediavelmente perdidos. O apóstolo Pedro experimentou o poder do sangue de Jesus e comprovou seu valor. I Pedro 1:18-19 – “sabendo que não foi mediante coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados do vosso fútil procedimento que vossos pais vos legaram, mas pelo precioso sangue, como de cordeiro sem defeito e sem mácula, o sangue de Cristo”. Somente o redimido do pecado sabe que o sangue de Cristo é deveras precioso. Não há nenhum substituto para ele, nada se compara ao sangue de Cristo.

Foi necessário que Ele derramasse Seu sangue na cruz do Calvário; pois somente o sangue poderia nos remir do pecado. Hebreus 9:22 – “Com efeito, quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e, sem derramamento de sangue, não há remissão”. Estaríamos condenados ao pecado e pelo pecado para sempre. O pecado continuaria tendo domínio sobre nós. Jamais sairíamos da culpa e da escravidão do pecado.

Quando da saída do Egito, o Anjo do Senhor verificava casa por casa à procura do sangue na verga das portas. Aquele sangue fez toda a diferença naquela noite. Nas casas onde não havia sangue, houve morte. Assim também, Deus requer o sangue de Cristo sobre nós para que não venhamos a morrer. O sangue de Cristo é um dos elementos mais importantes no Universo.

Jamais podemos comparecer na presença de Deus se estivermos desprovidos deste sangue. Assim como o sumo sacerdote entrava no Santo dos Santos com sangue alheio, assim também, entramos na presença do Todo Poderoso com o sangue de Cristo. Hebreus 10:19 – “Tendo, pois, irmãos, intrepidez para entrar no Santo dos Santos, pelo sangue de Jesus,”. Este sangue nos justificou e nos reconciliou com Deus. Nenhuma pessoa, por mais boa que seja, poderá entrar na presença de Deus sem o sangue de Cristo. Somente o sangue de Cristo pode nos justificar diante de Deus. Romanos 5:9 – “Logo, muito mais agora, sendo justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira”. Todo aquele que não foi coberto pelo sangue, que não creu na sua inclusão na morte e ressurreição com Cristo, está debaixo da ira de Deus.

Aquele que recebeu o sangue não receberá a ira de Deus, pois na cruz, Jesus recebeu essa ira em nosso lugar. Somente o sangue de Jesus pode nos livrar da ira vindoura. Romanos 3:25 – “a quem Deus propôs, no seu sangue, como propiciação, mediante a fé, para manifestar a sua justiça, por ter Deus, na sua tolerância, deixado impunes os pecados anteriormente cometidos”. Somente o sangue de Jesus nos justifica e nos livra da ira de Deus.

Pelo sangue da cruz, o crucificado com Cristo foi reconciliado com Deus. Romanos 5:10 – “Porque, se nós, quando inimigos, fomos reconciliados com Deus mediante a morte do seu Filho, muito mais, estando já reconciliados, seremos salvos pela sua vida”. Muitos não sabem, mas antes do sangue da cruz, éramos estranhos e inimigos de Deus. Apenas o sangue pode nos reconciliar com Deus fazendo-nos amigos e permitindo-nos gozar de paz. Colossenses 1:20-22 – “e que, havendo feito a paz pelo sangue da cruz, por meio dele, reconciliasse consigo mesmo todas as coisas, quer sobre a terra, quer nos céus. E a vós outros também que, outrora, éreis estranhos e inimigos no entendimento pelas vossas obras malignas, agora, porém, vos reconciliou no corpo da sua carne, mediante a sua morte, para apresentar-vos perante ele santos, inculpáveis e irrepreensíveis,”.

Foi por amor que Cristo derramou Seu precioso sangue na cruz para nos salvar. O sangue de Cristo é a mais pura prova de amor. Ele diz que dar a própria vida é a maior prova de amor. João 15:13 – “Ninguém tem maior amor do que este: de dar alguém a própria vida em favor dos seus amigos”. Sempre que se fala de sangue, fala-se de amor, puro amor. O sangue da cruz é o amor de Jesus por cada um de nós. Ali, por amor, Ele se entregou por nós, como oferta e sacrifício a Deus. Efésios 5:2 – “andai em amor, como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave”.

O precioso sangue de Cristo salva-nos do pecado. Efésios 1:7 – “no qual temos a redenção, pelo seu sangue, a remissão dos pecados, segundo a riqueza da sua graça”. Não é pouca coisa ser salvo do poder do pecado. O pecado é a razão de toda a desgraça. O pecado levou Jesus na cruz e fez Seu sangue ser derramado ali. O pecado trouxe maldição e morte. O pecado trouxe separação de Deus. O pecado traz tristeza, medo e inquietação. O pecado estragou e estraga tudo em nossa vida. Destrói casamentos e famílias, sociedades e países, gerações e gerações. Por estas razões, podemos nos alegrar em sermos salvos do pecado pelo sangue de Cristo. Somente o sangue de Cristo pode nos livrar da desgraça chamada pecado. O sangue de Cristo fez toda a diferença. O sangue e a cruz não se separam; assim também, a cruz e Cristo. Tudo se resume no sangue do Cristo crucificado. Não podemos negligenciar tão grande salvação.

Nenhum sangue de animais foi capaz de realizar tão eficaz salvação dos nossos pecados; apenas o sangue de Cristo. Isto posto, podemos concluir com grande alegria e gratidão que o sangue de Cristo traz para nós total garantia quanto a salvação do pecado. A garantia do sangue é total, diferente do sangue de animais. A sexta razão que o cristianismo é melhor do que o judaísmo está no fato de que o sangue da cruz nos dá melhor garantia do que o sangue de animais.

A sétima e última razão está no fato que a obra da cruz traz um melhor resultado do que os sacrifícios do antigo judaísmo. A obra da cruz opera em nosso interior, no nosso coração. Deus troca o coração de pedra e coloca um novo coração de carne. Os ritos judaicos não podiam transformar o pecador em um novo homem. Após oferecer sacrifícios, os judeus voltavam para casa ainda com a consciência pesada pelo fato de terem cometido pecados. Nenhum rito judaico poderia aliviar a consciência do pecador. Mas o sangue da cruz pode. A nova criatura em Cristo Jesus não está mais presa ao pecado do passado. Ele foi lavado, justificado e santificado. I Coríntios 6:11 – “Tais fostes alguns de vós; mas vós vos lavastes, mas fostes santificados, mas fostes justificados em o nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus”. A obra da cruz foi completa e totalmente eficaz. Os seus resultados foram satisfatórios. Não mais vivemos na prática de pecados. Cristo vive em nós. Ele se nos tornou da parte de Deus, em sabedoria, justiça, santificação e redenção (I Coríntios 1:30). Nele fomos feitos nova criatura e as coisas antigas ficaram para trás, tudo se fez novo (II Coríntios 5:17). A obra da cruz é tão poderosa que nos livra do senso de culpa, de consciência pesada, de tristeza e remorso. Ainda que um homem seja um vil pecador, o sangue da cruz poderá libertá-lo e salvá-lo por completo. Ele poderá receber nova vida ao crer que foi incluído na morte e ressurreição com Cristo. Ele, sendo nova criatura, poderá viver em paz, como amigo de Deus, com toda a certeza que foi justificado pelo sangue da cruz. O resultado da obra da cruz é 100%.

Por estas sete razões, o apóstolo está dizendo aos cristãos hebreus para olharem para o grande Sumo Sacerdote que penetrou os céus, Jesus. Para eles olharem não para o tabernáculo feito por mãos humanas, mas para o Tabernáculo maior e mais perfeito feito pelo próprio Deus. Olhar para o céu, a habitação eterna do Senhor Jesus, nosso grande Sumo Sacerdote. Ele diz para olhar não para o sangue de animais, mas para o sangue de Cristo. Ele diz para que os hebreus não olhassem para os rituais judaicos, mas para a preciosa obra da cruz.

Somente o cristianismo proporciona “acesso” ao Deus Todo Poderoso e à Sua eterna habitação. Nenhuma outra religião sobre a Terra é capaz de oferecer tal acesso. Só Jesus Cristo é o Caminho, o acesso à Deus. Somente pelo Seu sangue podemos entrar no Santo dos Santos. Somente Cristo conduz muitos filhos à glória celestial.

Uma igreja séria que conhece a obra da cruz não se apoia mais em ritos, cerimônias e esforço humano. Apenas descansa na obra da cruz. Uma igreja séria está descansada na obra da cruz.

Cristianismo é Cristo e Cristo é o melhor e não tem para ninguém!

Pr. Mario Tsuyoshi Yamakami

Comunidade Bíblica Regenerada   –   Cristo vive em nós

Maringá, 18 de Novembro de 2015.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s