HEBREUS 10 – ESTUDO XVIII

EPÍSTOLA DE PAULO APÓSTOLO AOS HEBREUSHebreus 10 é um maravilhoso convite para nos aproximarmos de Deus (v.22). Este convite é explicado nos versos anteriores e resume-se no “sangue de Jesus” (v.19). Todos quantos tiveram a experiência do sangue da cruz através da inclusão na morte de Cristo, são convidados a aproximar da Luz de Deus ou da presença de Deus.

Cristo se deu a Si mesmo na cruz para nos reconciliar com Deus. II Coríntios 5:18-19 – “Ora, tudo provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação, a saber, que Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não imputando aos homens as suas transgressões, e nos confiou a palavra da reconciliação”.

Adão pecou e se escondeu; mesmo assim, Deus, em Sua graça e misericórdia, foi atrás dele para cobri-lo. Assim também, a cruz nada mais é do que o próprio Deus vindo até nós para nos cobrir com sua justiça e nos trazer de volta para Ele. Que Deus tão grande e amoroso nós temos!

Pelo sangue da cruz temos acesso ao Trono da graça onde Ele próprio habita na luz. I João 1:7 – “Se, porém, andarmos na luz, como ele está na luz, mantemos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado”. Deus não só está na luz como também é a própria luz. I João 1:5 – “Ora, a mensagem que, da parte dele, temos ouvido e vos anunciamos é esta: que Deus é luz, e não há nele treva nenhuma”.

Quando Hebreus nos convida a aproximarmos de Deus, na realidade, está nos convidando para irmos à Sua Luz. Afastar-se de Deus é afastar-se da Luz. Todos quantos vivem em si, no pecado e no mundo; na realidade, vivem nas trevas. A ausência de Deus nada mais é do que trevas. Ou andamos na Luz onde Ele está, ou andamos nas trevas. Não tem meio termo.

Aquele que conhece o sangue da cruz, não deseja outra coisa senão, “ANDAR NA LUZ”. Andar na luz é o estilo de vida do verdadeiro cristão. Ele está sempre em comunhão com o Pai das Luzes. Aquele que, pouco a pouco, vai perdendo esta comunhão, vai se afastando e se tornando um apóstata. O coração paterno de Hebreus nos chama para nos aproximarmos da Luz de Deus.

O apóstolo João fala de andarmos na luz e isto denota ato contínuo e sujeito ativo. Devemos continuamente andar na luz e ninguém pode fazer por nós. É nosso privilégio e graça andarmos na luz de Deus.

Poder conhecer a Palavra da Cruz e o próprio Senhor Jesus Cristo é a graça salvadora de Deus nos trazendo para a Luz. Apenas o crucificado começa a ter a revelação de Cristo; começa a ver a verdadeira Luz. Cristo é a nossa Luz.

Lucas 1:78-79 – “graças à entranhável misericórdia de nosso Deus, pela qual nos visitará o sol nascente das alturas, para alumiar os que jazem nas trevas e na sombra da morte, e dirigir os nossos pés pelo caminho da paz”.

Lucas 2:32 – “luz para revelação aos gentios, e para glória do teu povo de Israel”.

Evangelho é Cristo e Cristo é Luz; portanto, Evangelho também é Luz. Só a Luz do Evangelho nos possibilita graciosamente ver Deus. Sem o Evangelho de Cristo não há como ver a Luz. Evangelho é o chamado para sair das trevas e ir para a luz. Evangelho é Deus nos chamando das trevas para a Sua maravilhosa luz. I Pedro 2:9 – “Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz”.

Cristão é aquele que foi tirado das trevas e transportado para o reino do Senhor Jesus. Colossenses 1:13 – “Ele nos libertou do império das trevas e nos transportou para o reino do Filho do seu amor”.

Salvação é ter os olhos abertos e se converter das trevas para a luz. Atos 26:18 – “para lhes abrires os olhos e os converteres das trevas para a luz e da potestade de Satanás para Deus, a fim de que recebam eles remissão de pecados e herança entre os que são santificados pela fé em mim”.

Cristo morreu e ressuscitou para anunciar que agora há luz, há salvação, até mesmo aos gentios. Atos 26:23 – “isto é, que Cristo devia padecer e sendo o primeiro da ressurreição dos mortos, anunciaria a luz ao povo e aos gentios”.

Cristo veio para nos fazer filhos da luz. Efésios 5:8 – “Pois, outrora, éreis trevas, porém, agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz”.

O apóstolo Tiago chama Deus de “Pai das luzes”. Tiago 1:17 – “Toda boa dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não pode existir variação ou sombra de mudança”. Sem dúvidas, Tiago foi um filho da luz.

Que bom que o Senhor Jesus veio para abrir nossos olhos e restaurar a nossa visão. Lucas 4:18 – “O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos”. Ele é o nosso Salvador!

Ele é a luz do mundo. João 8:12 – “De novo, lhes falava Jesus, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará nas trevas; pelo contrário, terá a luz da vida”. Nele, a nossa Luz, vemos a Luz (Deus). Salmo 36:9 – “Pois em ti está o manancial da vida; na tua luz, vemos a luz”.

Cristo é a verdadeira luz. João 1:4-9 – “A vida estava nele e a vida era a luz dos homens. A luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela. Houve um homem enviado por Deus cujo nome era João. Este veio como testemunha para que testificasse a respeito da luz, a fim de todos virem a crer por intermédio dele. Ele não era a luz, mas veio para que testificasse da luz, a saber, a verdadeira luz, que, vinda ao mundo, ilumina a todo homem”.

João 12:46 – “Eu vim como luz para o mundo, a fim de que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas”.

Vimos que Deus e Cristo são a nossa Luz. Em Cristo, nossa Luz, vemos a Luz de Deus. II Coríntios 4:6 – “Porque Deus, que disse: Das trevas resplandecerá a luz, ele mesmo resplandeceu em nosso coração, para iluminação do conhecimento da glória de Deus, na face de Cristo”. Cristo é o único caminho para chegarmos à luz de Deus.

O inimigo tem trabalhado muito para trazer cegueira a fim de que as pessoas não recebam a luz do Evangelho da glória de Cristo. Satanás faz de tudo para que não preguemos Cristo, nossa Luz. Procura manter as pessoas nas trevas.

Graças a Deus, Cristo, nossa Luz, resplandeceu em nosso coração. II Coríntios 4:4 – “nos quais o deus deste século cegou o entendimento dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, o qual é a imagem de Deus”. Recebemos luz para ver Deus somente através do evangelho da glória de Cristo.

Deus nos tem dado o evangelho da glória de Cristo. Este evangelho tem nos revelado que Cristo é o Resplendor da Glória. Hebreus 1:3 – Ele, que é o resplendor da glória e a expressão exata do seu Ser, sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, depois de ter feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade, nas alturas”. Só um filho da luz sabe que Cristo é o Resplendor da Glória; que Cristo é o Rei da Glória (Salmo 24:10).

Deus, através do Evangelho da cruz nos trouxe para Cristo, a nossa Luz. Isto é graça!

No Velho Testamento vemos o Tabernáculo. Este consistia em três partes: o Átrio, onde havia luz natural; o Lugar Santo onde havia luz artificial e o Santo dos Santos onde não havia luz nenhuma. O Sumo Sacerdote entrava uma vez ao ano levando sangue alheio para se encontrar com Deus. Lá no Santo dos Santos ele não via Deus. Tudo que ele via era trevas. Ele temia e tremia naquele lugar. Ali não havia luz para poder ver Deus. Ele apenas supunha que Deus estava lá.

Quando Hebreus fala para não atentar mais aos ritos judaicos do Velho Testamento é porque agora temos luz, temos Cristo e podemos ver Deus através da Luz de Cristo. Tudo mudou! Não precisamos tatear e fazer suposições a respeito de Deus. Podemos vê-lo em Cristo e conhece-Lo mais e mais. Podemos, pelo seu sangue, entrar em Sua presença sem temor, sem cegueira, sem trevas. Agora podemos encontrar Deus na luz de Cristo.

Nosso amado Senhor nos guia para o Pai da luzes. Isto é fantástico!

Cristo, nossa luz, trouxe a revelação da Pessoa de Deus.

A palavra “Revelação” no grego é: Apocalypsis.

O prefixo “Apo” significa = fora.

O sufixo “calypsis” significa = véu.

Traduzindo seria: para fora do véu ou sem o véu.

No teatro, há uma imensa cortina. Atrás dela são feitos os preparativos para que os artistas possam entrar em cena. Quando a cortina está fechada, vemos tão somente a cortina; porém, quando ela é aberta, o espetáculo se inicia. Daí ficamos vislumbrados e maravilhados com o que vemos.

Hebreus fala do Cristo crucificado que, na cruz, abriu o véu, a cortina do Trono da graça, para sempre. O véu se rasgou de alto a baixo. Mateus 27:51 – “Eis que o véu do santuário se rasgou em duas partes de alto a baixo; tremeu a terra, fenderam-se as rochas”.

Hebreus anuncia que agora podemos ir e ver Deus na face de Cristo. As luzes estão acesas, o Santo dos Santos está resplandecente pela presença de Deus. Não há o que temer, podemos nos aproximar pelo sangue da cruz sem temor.

Podemos andar na luz como Ele na luz está. Hebreus nos ensina que a cortina está aberta. É possível não só ver a Luz como aproximar da Luz. Ele nos convida a subir no palco, a ir ao palco, a estar na presença do Deus Todo Poderoso.

Aquele que anda na Luz de Deus é feliz. Salmo 89:15 – “Bem-aventurado o povo que conhece os vivas de júbilo, que anda, ó Senhor, na luz da tua presença”.

Só o sangue da cruz nos possibilita participar da mais espetacular apresentação jamais vista pelo homem: o Trono de Deus.

Deus, nossa Luz nos aguarda,

vamos lá!

 

Pr. Mario Tsuyoshi Yamakami

Comunidade Bíblica Regenerada   –   Cristo vive em nós

Maringá, 11 de Maio de 2016.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s